Estrela do Carmo - Divulgação Olivêra (Saliva) 46.JPG

Um brinde à saliva trocada e à conversa fiada na mesa de um bar

O POPULAR DÉMODÉ/FUTURISTA

Visionário de um Terceiro Mundo Transcendental!

Espalhado por aí, cantando histórias e a beleza de amores e das relações, como Marcos Sandália & Meia foi o principal expoente do démodé futurista. Há 15 anos nos palcos da vida, o trabalho de Olivêra caracteriza-se pela brasilidade e por seu caráter acessível, irônico e popular, no melhor estilo rústico/transado.

Em seu mais recente single, Silva, relembra a emoção embriagada de histórias, paixões, memórias e viagens de um tempo que não volta mais - mostrando que, assim como a dor nas costas e a ressaca chegam a toda aquela moçada da pesada, a nostalgia é o verdadeiro espelho retrovisor da alma. Uma homenagem ao folclórico e lendário bar da cidade de Viçosa, conhecido como Salivinha, fechado em 2005.

 

Com 4 discos lançados, 'Teimoso, vaidoso e outros defeitos mais' (2017); 'Canções Ingratas' (2018); 'Esqueça a cortesia, rasgue a poesia' (2019); e 'Brasileiro Nato' (2020), em seus três primeiros trabalhos, ainda sob a alcunha de Marcos Sandália & Meia, Olivêra destacou-se pela linguagem simples, apaixonada, espirituosa e nostálgica, resultando no que a bibliografia definiu como brega-rock-jovem-guardista-conceitual, uau!

 

Em Brasileiro Nato, seu quarto álbum, o cantor inaugurou um novo ciclo, em que amplia horizontes e entra de cabeça na música tupiniquim, sem abrir mão das baladas ou da energia eloquente do rock. Em novembro de 2021 lançou o single 'Num outdoor, volta pra mim' e no momento prepara o seu próximo disco, 'Terceiro Mundo Transcendental', e que tem Saliva como primeiro lançamento.

FALA COMIGO

(31) 99287-3823

  • facebook
  • instagram
  • youtube
  • soundcloud
  • twitter

Suas informações foram enviadas com sucesso!